sexta-feira, 4 de fevereiro de 2011

Vida de Gado!!!!


Ê ôô Vida de gado!! Povo marcado ê, povo feliz!!!

Semana passada estava indo a Lucena-PB onde passamos por canaviais, e sempre que passo por esse trecho fico indignada. Enquanto um(a) pobre coitado(a) passa dias, horas, embaixo de um sol escaldante, ganhando pouco e trabalhando honestamente, de 6 em 6 meses, tem uma belezinha JOGANDO futebol, ou brincando de jogar ganhando milhões. Não que eles
também não se esforçem, não sofram, mas é ganhar MILHÕES para correr atrás de uma bola. Por favor né!!! Um professor, um médico, figuras importantes na vida de um ser humano, literalmente sua para ganhar seu salário no final do mês, e ainda sim, não ganham o merecido.



Outra classe que fingem que fazem, e a gente finge que realmente fazem são os políticos. É tanta bolsa auxilío, paletó, de viagem, de gabinete, do escambaul, que no final do mês contabilizando todo o seu pequeno salário é no mínimo dos mínimos uns 100 mil reais. Mas para quê todo esse dinheiro? Para sentarem nas cadeiras e fazerem de conta que estão elaborando projetos. Fazemos a proposta de ganharem um salário simbólico para trabalharem, aposto que teríamos que fazer campanha para alguém se candidatar, só assim saberiamos saber quem realmente queria trabalhar e nos representar. Nestas condições de tantos auxilíos, até eu queria. Creio que em cada 100% de políticos "roubantes" (rs palavra inventada) 2% no máximo se salvam, ainda há aqueles que realmente pensam no bem alheio, mas com certeza é uma pequena fatia desse enorme bolo.

É revoltante você se matar de trabalhar para simplesmente pessoas que correm atrás de uma BOLA e sentam numa cadeira para brincar de ser político, ganharem mais do que um trabalhador braçal, mais do que uma pessoa que salva vidas, mais do que uma pessoa que ensina e dedica-se a dar uma boa educação, mais do que um cortador de cana, do que um policial que arrisca sua vida. Dizem que dinheiro não é tudo, não é tudo, mas não tenha não pra você ver se você sobrevive, come, se veste e se educa. É uma vergonha vivermos num país e num mundo onde os que realmente trabalham ganham o mínimo para o sustento da família, e aqueles que fingem TRABALHAR esbajam carros, casas e dinheiro. Mas já diz aquele velho ditado: "O mundo é dos mais espertos". Tenho plena convicção que sim! lógico que se você se esforça para ter um padrão de vida, batalha para conquistar sua casa, seu carro e um certo conforto, é válido o que você ganha. Parece mentira, mas é verdade, estudem e quem sabe você tenha sorte de ganhar um salário de vergonha e quem sabe ter uma aposentadoria que possa assegurar uma velhice tranquila.

*Imagens retiradas do googles imagens

Wanessa Roberta.

Um comentário:

Cristiano Ferronato disse...

Retribuindo a visita e dizendo que gostei do que escreveu. Mas quanto a salário de politicos bem a democracia tem um preço tb e é em real.